Se pretende um alojamento de qualidade, a um preço ajustado e no centro das grandes cidades para o seu filho, tem à sua disposição as residências para estudantes MONTEPIO U LIVE. Situadas nas cidades de Lisboa, do Porto e de Évora, estas residências oferecem várias tipologias de alojamento individual ou partilhado, wifi gratuito, salas de convívio ou de estudo, cozinha, lavandaria, entre outras comodidades. As candidaturas estão abertas a qualquer estudante e os associados da Associação Mutualista Montepio (AMM) beneficiam de 10% de desconto no valor da mensalidade.
É, por vezes, chamado o “o part-time dos universitários” e é fácil de ver o motivo. Numa visita a um call center percebe-se que muitas das cadeiras são ocupadas por estudantes que procuram um emprego que acrescentar “uns trocos” à mesada dos pais e, pelo caminho, ganhar algumas competências para o futuro – que serão fundamentais para os seus percursos profissionais (como a capacidade de comunicação e de relacionamento interpessoal, o forte sentido de responsabilidade ou a capacidade de liderança, por exemplo).
Nestes alojamentos, os estudantes podem morar, gratuitamente, em casa de idosos. Em troca, apenas têm de fazer companhia aos proprietários e prestar algum apoio nas tarefas diárias. Além de ser uma opção muito económica, esta forma de alojamento tem também benefícios sociais e pessoais. Contribui, sobretudo, para o espírito de solidariedade e entreajuda dos alunos participantes.
É muito fácil. Registe-se em Ads-Views através do seu formulário e uma vez inscrito poderá ver que empresas de investigação de mercados se ajustam ao seu perfil. Seleccione as quiser das que lhe propomos e espere a confirmação de que está aceite. Uma vez que tenha recebido a confirmação siga as instruções de cada uma para completar a sua conta e já poderá começar a ganhar dinheiro!
Já fez à volta de 30 a 40 trabalhos a ganhar entre os 50 e os 70 euros por cada, que só levavam meia hora para escrever. O primeiro trabalho foi escrever poesia para uma rapariga sobre o seu gato. Também já escreveu textos para admissão na faculdade em que não era necessário citações ou grandes pesquisas. Outros trabalhos foram de assuntos pessoais como escrever acerca de um momento da vida em que enfrentou algum desafio. “As pessoas preferiam pagar cerca de 90 euros a alguém do que escrever algumas páginas sobre elas próprias”, segundo conta na VICE.

A Internet é um bom ponto de partida para esta análise da oferta de arrendamento. Investigue ofertas em plataformas como a EasyQuarto, a Idealista, a BQuarto, a Casa SAPO, a Imovirtual ou a start-up portuguesa Uniplaces. Esta última é direcionada especificamente para estudantes universitários e presta um serviço de verificação para cada uma das ofertas apresentadas.
Um bom profissional nessa área é mais do que um datilógrafo. Você terá de compreender vocabulários avançados e técnicos, entender gírias e contextos onde os áudios que você precisa transcrever acontecem. Você também precisará de paciência para repetir o áudio algumas vezes e revisar seu trabalho, com o cuidado de não deixar muitos erros e ser o mais detalhista possível. É fácil começar uma carreira nessa área e você pode ir se especializando, se gostar do trabalho. Porém, a maioria das empresas prefere mesmo é pagar o trabalho freelance.

A procura por criadores de conteúdo é imensa, então se você tem alguma facilidade em escrever, fala outros idiomas e tem facilidade em tradução, já é meio caminho andado para se candidatar a vagas como tradutor ou redator freelancer para os mais diversos tipos de clientes que busca por fazer marketing de conteúdo, como empresas, blogs, sites especializados, entre muitas outras opções específicas.


Basta manter-se informado, e se não tiver informações sobre os postos de trabalho disponíveis publicamente, trate de se informar pessoalmente. De entre alguns dos trabalhos mais requisitados nas faculdades, poderemos encontrar por exemplo empregos nos departamentos académicos, na biblioteca, a prestar suporte técnico, prestar apoio nos departamentos de investigação,no ginásio, etc.
Se estamos a falar dos melhores empregos para estudantes, temos que falar desta possibilidade. Esta ainda é uma área pouco explorada em Portugal, mas que já começa a ganhar algum terreno. Fazer babysitting é ideal para quem quer ganhar dinheiro em casa a cuidar de crianças. Claro, que a opção é uma boa hipótese para quem gosta de crianças (e tem jeito para lidar com elas), mas se for o seu caso, tem tudo para dar certo.
No Brasil, temos já algumas pequenas e médias empresas que estão procurando este tipo de atendimento, uma vez que precisam prestar um suporte ao cliente de qualidade, mas precisam terceirizar tais serviços. Porém, aqui o salário é bem menor do que o pago para o mesmo atendente no exterior. Gostamos de lembrar a importância de aprender inglês para expandir suas oportunidades.

O contacto com os serviços de ação social da universidade permite também conhecer iniciativas locais de alojamento. Em Coimbra, Évora e Santarém, três projetos sociais (respetivamente “Lado a Lado”, “Laços para a Vida” e “Quarto Crescente”) tentam dar resposta ao alojamento de alunos com carências económicas e, ao mesmo tempo, combater a solidão da população mais idosa nos bairros históricos destas cidades.


Esta é a melhor parte, ou seja, a flexibilidade de que dispõe para responder aos inquéritos. Os inquéritos são "online" o que significa que através da Internet pode responder e sempre que tenha disponibilidade para isso. O nosso conselho é que verifique o seu email regularmente e caso tenha um email com uma pesquisa para responder, faça-o no momento, pois pode acontecer que se tenha atingido o limite de inquéritos respondidos e já não necessitem da sua opinião, perdendo assim a oportunidade de ganhar dinheiro ou receber prémios.
×