É, por vezes, chamado o “o part-time dos universitários” e é fácil de ver o motivo. Numa visita a um call center percebe-se que muitas das cadeiras são ocupadas por estudantes que procuram um emprego que acrescentar “uns trocos” à mesada dos pais e, pelo caminho, ganhar algumas competências para o futuro – que serão fundamentais para os seus percursos profissionais (como a capacidade de comunicação e de relacionamento interpessoal, o forte sentido de responsabilidade ou a capacidade de liderança, por exemplo).
A Odisseu Digital surgiu com o intuito de fortalecer o mercado online através da produção de conhecimento em Marketing Digital para auxiliar empreendedores que desejam adentrar ao novo mercado mundial: A Internet. Portanto, temos o profundo desejo de ajudar pessoas ao conhecer termos, tecnologias e ferramentas que fazem parte dessa grande área do futuro.
Aqueles que gostam de cozinhar ​​podem fazer uma carreira de trabalho em casa com alguma satisfação culinária, know-how e uma linha de telefone ou computador. Cozinheiros experientes podem prestar assessoria de cozinha por telefone e via chat online. Os clientes, que pagam uma taxa de acesso ao serviço, podem fazer perguntas sobre qualquer coisa, desde como salvar uma caçarola queimada até o vinho que combina com o jantar. Você pode também prestar consultoria a restaurantes, sobre como construir uma cozinha ideal.
Aqui tudo depende de sua forma de pensar e de encarar este tipo de trabalho. Se você não se sentir confortável criando material acadêmico, então não o faça, trabalhe em casa digitando. É claro que a digitação é uma atividade menos rentável e até mais enfadonha, mas não levanta os mesmos problemas éticos que a criação de material universitário pode levantar.
O que fazer com o tempo livre? E quando as despesas se avolumam? Um emprego poderá ser uma boa forma de equilibrar esta balança. Embora não seja obrigatório, o tipo de emprego que melhor serve normalmente as necessidades do povo estudantil é em regime de part-time. Então, por onde começar? Aqui ficam as nossas sugestões de como encontrar os melhores empregos para estudantes.
Mas se você não se importar com as questões da ética e da moral e resolver criar conteúdos acadêmicos para vender a estudantes universitários, vai gostar de saber que na Internet existem muitos recursos que vão tornar sua tarefa mais simples. Nos últimos anos surgiram diversos sites de material acadêmico, onde você poderá encontrar inspiração para escrever sobre os mais diversos temas.
É difícil conseguir uma carreira como um escritor freelance ou blogueiro em tempo integral, e ambos os campos já estão super lotados. Mas se você tem alguma coisa escrita ou experiência em edição em seu currículo, você pode encontrar um trabalho estável como revisor, especialmente para as empresas acadêmicas ou estrangeiras. Cactus Communications, uma editora indiana e empresa de tradução com sede em Filadélfia, contrata revisores para verificar trabalhos acadêmicos e documentos médicos escritos por falantes não-nativos. FirstEditing.com emprega revisores para trabalhar em manuscritos, teses e documentos de negócios. Embora nenhuma das duas empresas requer uma formação acadêmica específica, graus avançados e experiência em edição ajuda.
As grandes marcas querem conhecer a valorização que os seus consumidores têm pelos seus produtos e serviços, podendo desta forma adaptá-los melhor às necessidades do mercado. Através de perguntas em questionários bem planificados procuram obter e analisar essas contribuições e poder tomar decisões que lhes permita melhorar os seus produtos e serviços. Nesta altura, procuram consumidores capacitados e dispostos a ajudá-los e por isso recompensam com dinheiro, vouchers das principais marcas e prémios.
Para conseguir alojamento numa residência, o processo é feito por candidatura. Para os novos estudantes, o processo só abre depois do período de inscrições e matrículas. Uma vez que as vagas são limitadas – e que a maioria das camas já está ocupada com residentes que transitam do ano anterior – a concorrência por um lugar numa residência pode ser intensa. A prioridade vai para alunos bolseiros.

Nestes alojamentos, os estudantes podem morar, gratuitamente, em casa de idosos. Em troca, apenas têm de fazer companhia aos proprietários e prestar algum apoio nas tarefas diárias. Além de ser uma opção muito económica, esta forma de alojamento tem também benefícios sociais e pessoais. Contribui, sobretudo, para o espírito de solidariedade e entreajuda dos alunos participantes.

Tome nota: Caso o seu filho reúna as condições para pedir uma bolsa de estudo, trate de ambas as candidaturas, bolsa e residência universitária, no início do ano letivo. Lembre-se que, para obter bolsa, o rendimento anual per capita do agregado familiar deve ser igual ou inferior a 16 vezes o Indexante de Apoios Sociais (IAS), com o valor de 435,76 euros (em 2019), acrescido da propina anual a pagar.
Tire vantagem das suas fortes capacidades de computação e digitação. Caso seja um digitador rápido e preciso, ótimo em criar apresentações interessantes com gráficos sofisticados ou capaz de criar tabelas e gráficos para representar dados, pode ganhar dinheiro ensinando e ajudando outros alunos com seus trabalhos e melhorando suas próprias habilidades ao mesmo tempo.
Se estamos a falar dos melhores empregos para estudantes, temos que falar desta possibilidade. Esta ainda é uma área pouco explorada em Portugal, mas que já começa a ganhar algum terreno. Fazer babysitting é ideal para quem quer ganhar dinheiro em casa a cuidar de crianças. Claro, que a opção é uma boa hipótese para quem gosta de crianças (e tem jeito para lidar com elas), mas se for o seu caso, tem tudo para dar certo.

Se você falar pelo menos duas línguas e ter uma conexão com a Internet, você está bem em seu caminho para se tornar um tradutor. Um número de empresas contratam pessoas multilingues para traduções freelance de documentos comerciais, sites da Web, softwares de computador e trabalhos acadêmicos. Preferência muitas vezes vai para os candidatos que falam línguas na demanda, como o chinês ou japonês, e tem currículos que ajudam na tradução de material técnico. A empresa de tradução SDL contrata freelancers para marcas como HP e LG. We Localize e Argos Translations também empregam milhares de tradutores ao redor do mundo. Posições são frequentemente freelance, mas os benefícios e os contratos variam conforme a empresa.
É muito fácil. Registe-se em Ads-Views através do seu formulário e uma vez inscrito poderá ver que empresas de investigação de mercados se ajustam ao seu perfil. Seleccione as quiser das que lhe propomos e espere a confirmação de que está aceite. Uma vez que tenha recebido a confirmação siga as instruções de cada uma para completar a sua conta e já poderá começar a ganhar dinheiro!
×